Prefeitura Municipal realiza V Festival de Quadrilhas Juninas em Monsenhor Hipólito

Coreografias, danças e literatura marcaram o São João do município de Monsenhor Hipólito nos dias 23 e 24 de junho. A valorização da cultura, o envolvimento das escolas do município, do Estado e das secretarias de  Assistência Social e Educação, além da organização, criatividade e a participação popular consolidaram o sucesso do V Festival Junino que trouxe pela primeira vez, tendas juninas especiais, com comidas típicas, um portal com decoração junina e estrutura de palco, som e luzes.


A festa típica chamou a atenção pela beleza das indumentárias juninas, criatividade, decoração e principalmente pela participação popular. O pessoal acompanhou de perto o desfile das Quadrilhas Juninas na principal avenida da cidade até a Arena Junina ao lado do Mercado Público onde aconteceu as apresentações do V Festival.


Durante o Festival ganhou destaque a literatura, coreografias e o acervo musical que marcou época nas festividades de São João no Nordeste. No primeiro dia a festa foi iniciada com a apresentação da Quadrilha Junina organizada pela Unidade Escolar Municipal Judith da Silva Lima que trouxe para a Arena crianças e o tema “Mistérios da Meia Noite”, logo em seguida, aconteceu a apresentação de dança com o grupo, Corpo de Ballet de Ipiranga do Piauí.

VEJA O ÁLBUM DE FOTOS


A Secretaria de Assistência Social através do serviço de fortalecimento de vínculos apresentou a quadrilha junina da terceira idade. Depois foi a vez da escola de tempo integral do José Alves –CETIJAB apresentar o tema “Abelha Rainha” e em seguida, a CETIJAB noturno também da Unidade Escolar José Alves apresentou o tema “ Favo de Mel “, fechando as apresentações juninas no quinto Festival de Quadrilhas Juninas, no primeiro dia de evento.


No segundo dia aconteceu também o desfile pela principal avenida da cidade e a apresentações das quadrilhas: Flor do Encanto na Festa do Milho, organiza pela Creche; Caju precoce pela escola Lino Rodrigues; Hipolitano um Ipê em Flor pelo colégio Antônio Hipólito; Flor de Mandacaru pelo Ângelo de Maria Bezerra; Flor do Algodão organizada pelo  colégio padre Cícero. A arena ficou  completamente lotada e fascinou o público que acompanhou atentamente a desenvoltura das equipes nas apresentações que levaram o melhor em indumentárias, coreografias, temas, literatura e cultura popular. A banda Forró da Monarquia encerrou a festa.


O prefeito Zenon Bezerra elogiou o esforço da Secretaria de Cultura e de sua equipe pela organização da festa, bem como, o envolvimento das Secretarias de Assistência Social e Educação para a realização da festividade junina no município e principalmente a participação popular nos festejos juninos de Monsenhor Hipólito. “ Para nós é uma satisfação grande ver a alegria do povo e a valorização de nossa cultura”, disse Zenon Bezerra.


O secretário de Cultura Ernandes Bezerra falou sobre o V Festival de Quadrilhas Juninas, afirmando que o evento superou todas as expectativas da organização, inclusive pela participação do público e da qualidade do evento, “ Todas as expectativas foram superadas, tanto da organização das quadrilhas juninas como da participação do público que este ano bateu recorde, movimentando toda a cidade. Vamos trabalhar para melhorar ainda mais o evento para a próxima edição”, disse o secretário de cultura Ernandes de Sá Bezerra.


Ele agradeceu ainda o apoio efetivo da administração municipal na pessoa do prefeito Zenon Bezerra, da Secretaria de Educação, Gardênia Maria Bezerra  e da Assistência Social , Eneide Bezerra (dona Neide) pela participação e apoio. Destacou ainda a dedicação da coordenadora de cultura, Osvaldelia Bezerra e do secretário de administração Virgílio Neto. Ainda aproveitou para também agradecer ao secretário de cultura de Ipiranga que levou o grupo de Ballet para fazer apresentações e participar do Festival de Quadrilhas.


A festa arrancou elogios do público pela organização e participação do popular, valorizando a cultura local e o tradicional festejo junino. Os alunos tiveram papel de protagonistas, fazendo o festival acontecer de forma mais brilhante pela qualidade das apresentações, somando-se aos esforços dos diretores, coordenadores , professores, alunos  e pais  dos estudantes que contribuíram para que o evento conquistasse o sucesso.